Notícias

Adolescentes da semiliberdade de Jundiaí produzem livros

Por Assessoria de Imprensa, em 05/06/08 16:38

Foto: Eliel NascimentoUm projeto de incentivo à leitura está levando os adolescentes que cumprem medida socieducativa na unidade de semiliberdade (US) de Jundiaí a produzir livros poéticos.  O objetivo é envolver os jovens com a literatura estimulando a escrita e a leitura.

O último trabalho, produzido por adolescentes, funcionários e convidados da comunidade foi o “Tributo à minha mãe” – livreto poético em homenagem ao Dia das Mães. As obras são resultado do Projeto Esperança, iniciado no mês de março de 2007 pelos educadores Paulo Alfredo Pofré e Olga de Brito.

Na ocasião, eles lançaram um desafio aos jovens da US Jundiaí: fazer poesias em comemoração ao Dia das mães. Os adolescentes aceitaram. O primeiro livro, intitulado “Tributo às Mães”, foi lançado com a participação exclusiva dos adolescentes.

Com os bons resultados, durante junho e julho de 2007 nas oficinas educacionais, os adolescentes fizeram um trabalho de leitura de diferentes autores e exercitaram a escrita por meio de redações, visando a produção do segundo livro em homenagem ao Dia dos Pais: “Tributo ao meu pai”.  Desta vez, com a participação também de funcionários e membros da comunidade.

No final do ano passado, foi lançado o terceiro livro, “Nosso Natal de Fé”, com poemas natalinos. Segundo Olga de Brito, uma das responsáveis pelo projeto, a iniciativa vem trazendo resultados importantes na recuperação dos adolescentes.  “Satisfação maior que esta de reunir trabalhos de jovens para montar um livreto, não se compara a nada”, revela. “Cada jovem retira do fundo do seu coração as palavras que melhor encontram e com elas formam frases de carinho e amor”.